Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

O Livro

O livro “Governança Corporativa – Fundamentos. Desenvolvimento e Tendências” chega em sua sexta edição com as seguintes mudanças em relação às anteriores:

  • Análise dos impactos da crise financeira mundial nos temas específicos de Governança Corporativa desenvolvidos em todos os capítulos.
  • Atualização e revisão do capítulo sobre o desenvolvimento das corporações. Uma análise da co-evolução do sistema capitalista, do mundo corporativo e da ciência da administração.
  • Análise histórica do gigantismo das corporações, do processo de dispersão do capital de controle e do divórcio entre a propriedade e a gestão.
  • Ampla discussão dos objetivos das corporações. Ênfase no máximo retorno total dos shareholders como objetivo crucial. Análise dos interesses legítimos de outros grupos de stakeholders. Modelo de governança para conciliação estratégica dos interesses em jogo nas companhias.
  • Introdução da Lei Sarbanes Oxley como o quarto marco construtivo da Governaça Corporativa.
  • Síntese conceitual dos 8 Ps da governança corporativa: propriedade, princípios, propósitos, papéis, poder,práticas, perenidade e pessoas. Apresentação de uma proposta metodológica para levantamento de hiatos e avaliação situacional de nove empresas familiares brasileiras
  • Revisita às questões centrais da governança corporativa e ao estabelecimento das forças de controle das companhias. Análise do ambiente legal e regulatório, segundo a origem do ordenamento jurídico dos países: direito comum inglês e direito civil francês, germânico e escandinavo.
  • Descrição e análise dos atores e dos órgãos que interagem no ambiente de governança e o impacto neles depois da crise financeira mundial de 2008.
  • Ampliação dos países na análise comparativa dos modelos de governança: descrições comparativas de quatro países anglo-saxões e de dez países da Ásia Emergente.Introdução da Lei Dodd Frank no modelo americano. Comparações com os modelos alemão, japonês, latino-europeu e latino-americano.
  • Atualização e ampliação do capítulo sobre governança corporativa no Brasil, incluindo as modificações nos níveis diferenciados de Governança introduzidas em maio de 2011.
  • Focalização  da convergência mundial na direção das IFRS normas internacionais de  contabilidade.
  • Atualização do  Apêndice de transposição conceitual: da governança corporativa para a governança do Estado. Exposição do modelo de Fukuyama e da abordagem de Kaufmann. Dados comparativos da posição do Estado brasileiro.

Além destes acréscimos, procedemos a ampla atualização de dados e informações sobre a governança, em termos mundiais.

Dados sobre o livro:

  • 69 Tabelas, com dados mundiais e do Brasil.
  • 117 Quadros de sínteses conceituais.
  • 73 Figuras ilustrativas de desenvolvimentos teóricos.
  • 263 Referências bibliográficas citadas no texto.
  • 602 Páginas.
Edições
Características

PRIMEIRA

SEGUNDA

TERCEIRA

QUARTA

QUINTA

SEXTA

ANO

2004

2006

2007

2009

2011

2012

Páginas

418 584 584 584 600 602

Capítulos

7 8 8 8 8 8
Apendice

1 1 1 1 1

Referências

Bibliograficas

171 254 255 255 261 263

Figuras

53 67 67 67 72 73

Quadros

77 112 112 112 115 117

Tabelas

41 65 78 66 68 69